EDIÇÕES    DE AZULEJOS


de Luís Soares


Azulejo na Caixa
O azulejo é uma arte milenar herança da artesania muçulmana, aclimatou-se bem na península Ibérica, tornando-se, a partir do século XV, um objecto essencial de decoração e revestimento parietal.

Produzido em larga escala em Sevilha e em Valência, onde os comerciantes portugueses o iam regularmente comprar, passou depois a ser fabricado entre nós. 

Após o século XIX, marcado pela industrialização do seu fabrico e pelo recurso a padronagens estereotipadas e repetitivas, o azulejo renasceu como suporte decorativo através da recuperação operada pela arte contemporânea. 

Hoje constitui, de novo, um meio singular de experimentação plástica e uma alternativa válida aos suportes mais tradicionais.

Como autor deste azulejo, tenho dado continuidade a esta milenária técnica, no sentido de contribuir para a sua renovação e actualização. 

[Assinatura de Luís Soares]

 

[Exposição de Azulejos]

 
CE1
CE2
CE3
CE4
CE5
CE6
CE7
CE8
CE9
CE10
CE11
CE2
CE13
CE14
CE15
CE 1
CE 2
CE 3
CE 4
CE 5
CE 6
CE 7
CE 8
CE 9
CE 10
CE 11
CE 12
CE 13
CE 14
 CE 15
CE16
CE17
CE18
CE19
CE20
CE21
CE22
CE23
CE24
CE25
CE26
CE27
CE28
CE29
CE30
CE 16
CE 17
CE 18
CE 19
CE 20
CE 21
CE 22
CE 23
CE 24
CE 25
CE 26
CE 27
CE 28
CE 29
CE 30

Edições limitadas em 10 séries de  1/50
certificadas e autenticadas pelo artista Luís Soares


Com moldura

Veja como se faz

[Menu Anterior] [Ceramica Artistica de Cascais] [Galeria de Arte] [Comentarios - Livro de Visitas - Lista de Emails] [Voltar]
[Proximo]